Blog Primeira Essência » Um lugar para se encontrar

Masthead header

Sermão do Monte

Conta-se que, certa feita, Alexandre da Macedônia, o Grande, após triunfar sobre os gregos e entrar em Atenas como conquistador, ali soube da existência do que era considerado um verdadeiro sábio pelos atenienses – o mais sábio dentre os homens: Diógenes de Sínope. Alexandre escutou que Diógenes morava num barril, nas proximidades de um porto, e apressou-se em procurá-lo. Encontrando Diógenes sentado no chão ao lado de seu barril, tomando sol, o imperador, extasiado, apressou-se em lhe dizer: “Sou Alexandre, aquele que conquistou todas as terras. Peça-me o que quiser que eu lhe darei. Palácios, terras, honrarias, escravos ou tesouros jamais vistos. O que você quer, ó, Sábio?”. Diógenes, levantou os olhos e respondeu: “Senhor, apenas não tire de mim o que não pode me dar”. Percebendo que se posicionara entre Diógenes e o sol, Alexandre, perplexo ante a profundidade do que havia escutado, se retirou daquele lugar, deixando também a Capital grega, para nunca mais voltar.

O texto que você precisa ler pro nosso estudo de hoje está em Mateus 5-7.

1. Assim como a sabedoria de Diógenes impressionou Alexandre, as palavras sábias e poderosas de Jesus Cristo marcaram para sempre a multidão que O ouviu. Em que momentos no Sermão do Monte podemos ver Jesus transpondo os limites de normas superficiais e adentrando ao âmago de princípios eternos?

2. O ensino de Jesus era inovador naquela época e continua sendo até hoje. Nesse sentido alguns cristãos veem o Sermão do Monte como um discurso que apresenta uma Nova Lei (a lei de Cristo é associada à fé e à graça) em detrimento da Antiga Lei (a lei de Deus no Velho Testamento associada à ações corretas ou obras). É coerente essa compreensão? Como o próprio texto bíblico pode nos ajudar a encontrar a resposta verdadeira? (Sugestões de cola: Mateus 5:17-19; Mateus 3:14 e 15; I João 3:4 e II Coríntios 5:21).

3. Leia Mateus 5:20! O que entendemos como “a justiça dos escribas e fariseus”? Alguém pode cumprir toda a Lei e ainda não ser salvo?

4. Que bom que você está com a gente ainda! Agora, por favor, leia Mateus 5:48. Jesus convocou seus ouvintes à perfeição. Esse convite é mais antigo do que suspeitamos. (Exemplos de outros convites semelhantes você pode encontrar em Gênesis 17:1; I Reis 15:3 e Colossenses 4:12) Essas pessoas foram perfeitas? Nós podemos ser perfeitos? Como isso é possível? Faça-nos o favor de ler II Timóteo 3:16-17.

5. Agora, pra terminar com chave de ouro, leia Colossenses 3:13 e 14.

Ficou com alguma dúvida? Mande uma mensagem pra nossa fanpage, ou apareça pra nos fazer uma visita! Segue a lista das nossas programações:
Aos sábados, às 9h: Programa Identidade
Aos sábados, às 18h: Programa Encontros
Às quartas-feiras, às 19h30: Programa Descobertas.

Apareça! Será uma alegria conversar com você sobre esse assunto!

Chloé Pissini
Estudante de psicologia, namorada, tia dos três bebês mais lindos do mundo (e exagerada), encontrou, na Primeira Essência, o espaço ideal pra aproximar-se de Deus, enquanto aproxima-se também de amigos que se tornaram indispensáveis.

Your email is never published or shared. Required fields are marked *

*

*